HEAVY METAL Investidor: Perder para ganhar ou ganhar vendo os erros dos outros?

sábado, 9 de novembro de 2019

Perder para ganhar ou ganhar vendo os erros dos outros?

 Acabei de ler o post do amigo AA40 (As 4 maneiras do investidor amador perder dinheiro no Mercado Financeiro), blog o qual eu recomendo a todos os que buscam a independência financeira ou FIRE. Fiquei feliz por ter sido citado em seu texto, pelo meu post de dias atrás: "Viver de Day Trade? Melhor dirigir UBER!".

 Enquanto lia, lembrei de um amigo que dizia "você precisa perder, para aprender a ganhar"



 Esta frase tem uma interpretação óbvia, que é a de se aprender com os próprios erros. A experiência vem, na nossa vida, com erros e acertos, uma lógica desde quando começamos a andar. São as repetidas tentativas, com erros e acertos, que nos levam ao aprendizado final, arriscando nossa própria pele ("skin in the game") até que nos aperfeiçoemos. Evoluimos como seres humanos graças aos nossos erros, foram e são parte vital da nossa busca pelo conhecimento, em todas as áreas.  

 Sem erros, não viria a busca pelo acerto - diria o filósofo. Mas, nos investimentos, quanto custaria esta mesma lógica? Vale mesmo aprender com os próprios erros? Ou é bem melhor "ganhar", ao não cometermos os erros dos outros? Ou, ganhar aplicando o mesmo método do sucesso alheio? 


 Citarei aqui um exemplo de erro meu, já postado antes, onde realizei prejuízo desnecessário, no pânico entre o final de 2015 e Março de 2016, vendendo minhas ações e perdendo 600 mil reais aproximadamente. Fui avisado na época, por um amigo meu que trabalha na XP Corretora para "não seguir a manada", que "era hora de comprar e não de vender as ações" - mas ignorei o aviso recebido repetidas vezes. Usarei uma calculadora de juros compostos, que coloquei disponível na aba "LINKS ÚTEIS", deste blog:


 Usando a calculadora no link citado acima, supondo uma aplicação única de 600 mil reais, a uma taxa de juros anual de 5%, por 10 anos (120 meses):


 Ao final de 10 anos, eu teria 980.362,84 reais (600 mil reais iniciais + 380 mil reais de juros). São 63% a mais de dinheiro. 

 Esta mesma simulação, mas com 8% de taxa de juros anual: 

 

 Ao final de 10 anos, eu teria 1.290.108,44 reais (600 mil reais iniciais + 690 mil reais de juros). São 115% a mais de dinheiro. 

 Agora, com 10% de taxa de juros anual:


 Ao final de 10 anos, eu teria 1.561.042,46 reais (600 mil reais iniciais + 961 mil reais de juros). São 160% a mais de dinheiro. E aí? O que acham disso?

 Valeu a pena "aprender com meu próprio erro"? Eu tenho duas respostas, mas prefiro a segunda. A primeira é que "sim", valeu a pena, pois aprendi pro resto da minha vida com a fase depressiva do Sr. Mercado - ele é um professor impiedoso. Dinheiro perdido, já era. Citando uma frase famosa de Warren Buffett:


 A segunda resposta, seria "não". Basta ver as simulações acima e verão o quanto deixarei de ganhar, com um dinheiro que já era meu. Sem contar que pelos valores atuais de PETR4, VALE3 e ELPL3, eu já teria acumulado após passados 4 anos, uma valorização de aproximadamente 670 mil reais na minha carteira. Em apenas 4 anos, se tivesse ficado quieto, eu já teria conseguido o que mostra a simulação com taxa de juros anual de 8% em 10 anos. Isto é: faria 10 anos em 4. 

 Eu acho que nos investimentos, tendo como temos hoje vários bons livros e a Internet com muita informação de qualidade (de sobra!) sobre FIRE e IF na "FIRESFERA", não existe justificativa para se perder dinheiro. 

 A frase "você precisa perder, para aprender a ganhar", aqui, é desnecessária. Deve ser corrigida para:

"Você precisa ganhar vendo os erros dos outros".





  E não só os erros, mas aprenda também com os acertos dos outros! É muito mais vantajoso e barato aprender com os erros e acertos alheios, mas é da natureza humana, infelizmente, preferir aprender errando.

 Controle sua ansiedade, controle sua ganância, controle a idéia idiota de ficar rico rapidamente tomando atalhos em algo que na verdade exige tempo, estudo, paciência, aportes e juros compostos. Frase famosa também creditada ao Buffett, mas que vale a lembrança, é que "não fazemos um filho em um mês, engravidando nove mulheres. Fazemos um filho em nove meses, engravidando apenas uma mulher"

 A única pessoa capaz de destruir seu futuro rico e livre financeiramente, é você. Tentar viver de day trade, venda descoberta de opções, girar carteira constantemente, falta de controle de lucros e gastos, fazer gestão ativa (que nas mãos de profissionais, perde em 92% das vezes para um índice passivo do mercado), trades em Forex, vender na baixa e comprar na alta... Eu já falei sobre isso, o AA40 também (como postado no início deste post). 

 Será que é tão difícil assim entender o que é uma estratégia replicável e vencedora, e a quantidade de opções secundárias que existem para te ferrarem no mercado? Cada cabeça, uma sentença. Se você disser que ganha muito dinheiro com day trade, por exemplo, "eu ganho há anos, com um bom método" e não está mentindo para si mesmo, ÓTIMO! Siga em frente. Mas quem engana a si próprio, não é apenas desonesto: é burro. É você na imagem abaixo?




 Enquanto você não entender, aprender e praticar os juros compostos, entender a mecânica deste princípio simples - mas demorado - viverá a procurar maneiras "milagrosas", "rápidas", estressantes e que roubam seu tempo, saúde e dinheiro. Ao invés de "queimar dinheiro", procure por meios lícitos de ganhar mais dinheiro ou de cortar seus gastos - ou melhor, faça ambos. 

 Pegue esta imagem abaixo, imprima e faça um quadro, pendure numa parede ou local que você possa sempre olhar para ela. Treine sua mente, controle seu ímpeto, canalize naquilo que funciona e que não esgotará sua saúde ou suas finanças. E nunca contratem um "coaching motivacional", faço isso de graça para vocês! 





24 comentários:

  1. Fala, mestre Heavy Metal! Que banda irada é essa tocando no blog????? Pqp, que sonzeira! Não conhecia, muito boa a música.

    Parabéns por mais um post certeiro, na veia. Já comprei estas porcarias de curso de day trade, perdi uns 5 mil reais nisso. Você perde e acha que na próxima acerta, que deu azar com a notícia "x" que mudou o rumo do mercado... Enfim, igual viciado em drogas: sempre tem uma desculpa pro vício e não assume a merda de vida que leva. Graças a Deus, tomei rumo e hoje sigo seu blog e outros como AA40, Viver de Renda, por aí vai. Melhor ir devagar e vencer, que se matar no meio do caminho. Valeu! Up the Irons!!!! Gostei muito dessa banda Running Wild

    ResponderExcluir
  2. Olá, anon. Achei esta banda no Youtube semana passada, banda alemã e ainda na ativa. Gostei muito também! Que bom que você gostou da música e do post. Seja sempre bem vindo.

    ResponderExcluir
  3. Bárbaro post. Obrigado pelos links e vou até atualizar o meu para incluir este seu post atual.
    Não sabia dessa sua perda ai. Fico feliz que tenha mudado, pois é aquela velha história, errar uma vez e aprender é normal, agora errar e persistir é burrice. Parabéns. Abcs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AA40, no patamar de dinheiro que tenho hoje e pelo meu tempo de estrada, não dividir conhecimento é até sacanagem.

      Quero ver 80% da população investindo na Bolsa, quero nosso povo rico. Para isso, precisam no mínimo evitar erros básicos. Não perder já é espetacular, num país de analfabetos funcionais e financeiros. Agora, se vão escutar a mim e a você, bem... são "outros quinhentos".

      Aí o cara paga "coaching motivacional", e rasga dinheiro como um maluco. Conhecimento é poder; mimimi, tapinha no ombro, grito no pé do ouvido e lágrimas não fazem ninguém rico.

      Excluir
  4. Cara, você é muito engraçado, rsssssss: "E nunca contratem "coachs motivacionais", faço isso de graça para vocês!".

    KKKKKKKKKKKKKK, cuidado que o tal Rodrigão fortão, ele vai ficar bravo com você, que tá fazendo coach de graça. Hilário!

    ResponderExcluir
  5. Pois é! Inclusive, para a galera de Santa Catarina, eu farei "coaching motivacional" de graça e ainda ensinarei também de graça a fazer fisiculturismo, sem usar esteróides anabolizantes: tudo natural, na base do Todinho e Pipocas Guri. De lambuja, darei dicas de nutrição vegana. Este é meu Karma. Namaste!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Sou de Santa Catarina!

      Excluir
    2. Beleza, salvei mais uma alma que ia rasgar dinheiro com "coaching". Segue o líder! Pode ler o blog todo que é de graça, KKKKKKKKKK

      Excluir
  6. Seus posts são muito bem escritos HM. Parabéns por mais esse e sou um dos sortudos de poder aprender com o seu erro para não cometer a mesma "burrada"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EI, a porrada do urso vem por aí, e vem forte. Seja por que Trump teve dor de barriga ou o cachaceiro anda pelo Brasil a falar merda, ela virá. A única patada mortal do urso, no mercado, é isso aqui virar uma Venezuela ou Argentina. Aí, amigo, já era.

      Excluir
  7. Salve, Heavy Metal! Também já perdi muito dinheiro no mercado, mas consegui botar para funcionar a estratégia de perder de colher e ganhar aos baldes. Na prática, não dá para ganhar sempre, mas sempre devemos sobreviver às intempéries do mercado.

    Fiz bastante dinheiro no mercado em 2015 e 2016 porque achava que iria ganhar aos baldes se o Brasil não se tornasse uma Venezuela. Graças a Deus o Brasil foi salvo, por enquanto, de tamanha humilhação.

    Minha estratégia agora será ganhar aos baldes caso a tecnologia da blockchain descentralizada ganhe mais adoção no mundo. Por enquanto, pareço um louco soltando palavras ao vento, mas já estou acostumado com esse tipo de título. Como ninguém está dando muita atenção a esta minha convicção mercadológica, ainda dá para escrevê-la aqui e mante o meu título de “louco”.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo, vou complementar a sua resposta.
      1. Bitcoin não foi a primeira cripto (foi a primeira de sucesso).
      2. Criptomoedas centralizadas = dinheiro estatal (podem fazer o que quiserem). Nao tem proposito isso.
      3. Na minha opinião o bitcoin muito provavelmente nunca sera utilizado no dia a dia, mas isso significa que ele vai morrer? Acho que não. Eu acho que ele terá a sua função de reserva de valor, que é o do ouro.
      Se vc tivesse que escolher uma criptomoeda para ter daqui 50 anos. Qual vc levaria?
      Se vc tivesse que levar um metal preciso para ter daqui 50 anos. Qual vc levaria?

      Eu tinha muito desconfiança com bitcoin, mas depois que passei a estudar. Sinceramente, aceitaria receber 100% do meu salario em bitcoin.

      Excluir
  8. Bom dia, nobre Marcelo. Meu medo é países e bancos criarem sua própria Blockchain e ferrarem o Bitcoin. A lógica é simples: por que deixar algo livre correr solto se eles podem cobrar e regular o mercado? O que você pensa disso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso não vai acontecer porque aí os bancos centrais perderiam a capacidade de imprimir mais dinheiro. A China que em 2017 e 2018 estava criando várias regulamentações e dificultando a vida de quem trabalhava com criptomoedas virou a mão e está incentivando o desenvolvimento das tecnologias de blockchain. Acredito que mais países sigam o exemplo da China, mas que os EUA e UE devem continuar criando regulações para defender seus respectivos poderes de imprimir dinheiro sem causar inflação e ter a moeda utilizada para transações internacionais.

      Ainda respondendo a sua pergunta, não acho que o bitcoin continuará sendo a maior criptomoeda por muito tempo, ele só chegou a este posto por ter sido a primeira criptomoeda criada, pois as taxas de transação e demora na confirmação acabam por prejudicar todas as criptomoedas. Na verdade, acredito que a “morte” do bitcoin será benéfica para o mercado de criptomoedas.

      Excluir
    2. Achei que minha primeira resposta não tivesse sido transmitida e respondi novamente. Hahaha. Acontece.

      Excluir
    3. Por isto XRP será a moeda para onde parte de quem está no Bitcoin irá flipar.

      Excluir
    4. Não concordo. XRP é nunca será massivamente adotada por ser centralizada.

      Excluir
  9. Salve, HM!

    Excelente post. Devagar e sempre, não adianta tentar acertar o cu da mosca na RV. Escolhendo boas empresas e tendo paciência, é possível colher bons frutos no longo prazo.

    Running Wild é das antigas, pensei que já conhecia kkk, depois ouça o álbum Gates to Purgatory, um petardo.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Acho que é um jogo de adaptação.
    Infelizmente, não dá pra aprender sempre com erros dos outros. Muitas vezes temos que sentir na pele e penar pra aprender.
    Acho que o principal é manter a cabeça sempre aberta de que estamos em aprendizado constante. Que não sabemos de tudo. Devemos ver e ouvir, mas analisar criticamente e daí tomar decisões. Ora decisões favoráveis, ora decisões mais custosas ;(

    "E nunca contratem um "coaching motivacional", faço isso de graça para vocês! "
    É a profissão do futuro, tem um a cada esquina HHAHAHAHAHA
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, UFRJ. É que apareceu um mané arrotando regras num outro post meu e dizia ser “coaching motivacional e fisiculturista”, um mala! Vou quebrar o negócio dele: farei de graça. KKKKKK

      Excluir
  11. Ótimo blog para os alunos gestão ágil de projetos, bom post, recomendo a leitura, me ajudou muito essa visão encarojadora para todos gestores

    ResponderExcluir
  12. Respostas
    1. JA, quem tem a capacidade e a humildade de aprender com os erros dos outros (e acertos!), já sai com uma vantagem caminhada para sair da corrida dos ratos.

      Excluir

Conto com a boa educação e colaboração de todos! Comentários ofensivos não serão publicados. Aqui, compartilhamos uma jornada rumo à independência financeira. Petistas, socialistas, corruptos, bolivarianistas, marxistas e demais bandidos: vocês NÃO são bem vindos. Dividam antes todos os seus bens com os outros e parem de hipocrisia: vivam o que pregam!